Picape se descola do Gol e ganha identidade própria pela primeira vez.
Poucos itens de série e preço elevado são impeditivos contra rivais.

Em meio ao lançamento de novos competidores (Fiat Toro e Renault Oroch), o segmento de picapes ganhou uma movimentação que não era vista há anos. Entre as compactas, Fiat Strada, a líder há mais de 10 anos, e Chevrolet Montana, praticamente assistem ao tempo passar sem grandes alterações.

Para mudar este quadro, a Volkswagen renovou a Saveiro para a linha 2017. O facelift veio pouco mais de um mês após a mudança do Gol, modelo da qual a Saveiro deriva. É a segunda reestilização da terceira geração do modelo lançado em 1982.
Desta vez, a picape seguiu seu próprio caminho. Pela primeira vez em 34 anos, ganhou identidade própria, com diferenças em relação ao Gol. A árdua missão de derrubar a líder Strada fez a Saveiro se vestir de modo a parecer com sua irmã maior, a Amarok.